Política
Avalie este item
(0 votos)
Prefeitura de Itamarandiba adquire e entrega 50 uniformes de gala à Corporação Musical São João Batista

Aconteceu na noite de ontem, 08 de dezembro, na sede da Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Turismo, a entrega de uniforme de gala aos integrantes da Corporação Musical São João Batista, carinhosamente chamada pelos itamarandibanos de “Banda de Música”.

A vestimenta especial foi adquirida pela Prefeitura Municipal; a qual deu autonomia ao gerente da Corporação, José Paulo Alves, e maestro, Arnaldo Victor Souza, para escolherem os modelos. Ao todo a Prefeitura comprou 50 uniformes de gala que serão usados pelos músicos em ocasiões especiais.

Estiveram presentes na solenidade de entrega o prefeito Luiz Fernando, secretário municipal de cultura, Vinicius Mota, procurador municipal, Dr. Pedro Afonso, gerente da Corporação, José Paulo e o maestro Arnaldo Victor.  

Vale destacar ser a primeira vez que a Corporação Musical São João Batista recebe esse tipo de vestimenta.

Fonte: Da redação: Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Itamarandiba   

Avalie este item
(0 votos)
Marcinho do Valtão é reeleito vereador aumentando sua votação para 507 votos e agradece a todos pela confiança em seu trabalho

Marcinho do Valtão foi reeleito vereador, aumentando sua votação de 465 votos nas eleições de 2016 para 507 votos nas eleições de 2020.

Marcinho do Valtão é casado e muito atencioso com as pessoas. Trabalhou como motorista, chapa, carvoeiro e guarda do Hospital, sempre com dedicação e honestidade, um dos motivos que proporcionou o reconhecimento por parte de seus eleitores. Nas eleições de 2016 obteve 465 votos no peito e na raça e agora em 2020 aumentando para 507 votos.

“Gostaria de agradecer primeiramente a Deus, pois tem sido fiel na minha vida, a minha família, aos amigos e a todos os eleitores que depositaram em mim um voto de confiança. Ao longo desses 04 anos, procurei trabalhar de forma honesta e servindo ao povo, principalmente os mais humildes. Consegui emendas parlamentes, fiz cobranças ao executivo para melhoria de vida da população e fui parceiro do nosso Prefeito Luiz Fernando, que realizou um espetacular trabalho. Firmo o compromisso em continuar trabalhando e sendo um legislador, dedicando todo o meu tempo ao povo de Itamarandiba. Agradeço novamente a todos de Itamarandiba e que Deus nos ilumine na continuidade dessa caminhada”. Disse Marcinho do Valtão.

 

 

Avalie este item
(0 votos)
Câmara Municipal de Itamarandiba terá 07 novos vereadores, 06 dos atuais legisladores conseguiram reeleição

Neste domingo, também foi dia para escolha na composição da nova Câmara de Vereadores. A renovação das bancadas ficou por conta de 07 novos vereadores, sendo que 06 permanecem como fiscalizadores do povo.

Como na última eleição, o candidato Valdir Bispo (AVANTE) obteve a primeira colocação geral com 941 votos e foi reeleito. Em segundo lugar Tadeu Sena (PDT) foi muito bem cotado, e confirmou o favoritismo no seu partido com 732 votos. Em terceiro Vicentin foi o primeiro do Partido dos Trabalhadores (PT) e obteve 651 votos.

Em seguida Ney Barrela (AVANTE) foi reeleito aumentando a sua votação com relação a última eleição e ficou com 609 votos. Já Valdeni Siqueira (PT) obteve uma boa votação em sua primeira candidatura e obteve 594 votos. O mesmo aconteceu com Márcio do Badaró - TÔTÔ (AVANTE) com 579 votos. Também eleito pela primeira vez, Édson Sassá (PDT) obteve a votação de 551 votos.

O vereador Marcinho do Valtão (PDT) também foi reeleito com 507 votos também aumentando sua votação. Também reeleito o vereador Douglas Gandra (MDB) com 501 votos. Eleito pela primeira vez Carlos Leal (AVANTE) com 469 votos.

Já o vereador Mauro do Ônibus (PDT) obteve a votação necessária e foi reeleito com 400 votos. O vereador e atual presidente da Câmara Heli Nunes (PV) aumentou sua votação e foi reeleito 374 votos. E para fechar as cadeiras, o tradicionalíssimo Guim Carneiro (PT) com mais de 20 anos de vereança, foi eleito com 216 votos.

Avalie este item
(0 votos)
Com votação histórica, Luiz Fernando é reeleito prefeito de Itamarandiba com 87,42% (15.047 votos)

Após 45 dias de campanha, as eleições municipais tiveram o resultado final na noite deste domingo, 15 de novembro.

Com o encerramento da votação, o clima na cidade já era de que o candidato a reeleição Luiz Fernando, fosse anunciado como vitorioso.

Os resultados já davam como certa a vitória do candidato do AVANTE já nos primeiros minutos após o encerramento da votação.

O resultado oficial só saiu mais tarde, devido a problemas encontrados no sistema do TSE.

Ao fim, o atual prefeito Luiz Fernando obteve, 15.047 votos (87,42%) contra o segundo colocado Eduardo Moreira 1.951 votos (11,34%) e Dara Leal 214 votos (1,24%).

Com isso, Luiz Fernando obteve 13.096 votos de frente para o segundo colocado. O prefeito continua o seu governo que vai até o ano de 2024, ao lado de Lete Monteiro (PT).

Avalie este item
(0 votos)
Eleições 2020 Itamarandiba: Votação tranquila até o momento, duas urnas foram trocadas, segundo TRE

Domingo de eleições municipais na maior parte do Brasil. Em Itamarandiba a votação ocorre normalmente.

Em todos colégios eleitorais não apresentam filas grandes, exceto o bairro São Geraldo, maior colégio eleitoral.

Com relação as urnas, apenas duas apresentaram problema e foram trocadas, sendo uma na E.E. Coronel Joanas Câmara e uma em Penha de França.

Não há registros de boca de urna, ou qualquer outro crime eleitoral até o momento.

A partir das 16 horas, o Jornal ItamarandibaHoje e Rádio Câmara, estarão ao vivo na cobertura da apuração dos votos pela rádio 95,9 FM. Após a confirmação do prefeito (a) eleito, o pronunciamento do vencedor das eleições, ao vivo pela Rádio e Facebook do ItamarandibaHoje.

Avalie este item
(0 votos)
Máscara, caneta, título e documento: veja o que levar para votar neste domingo

Votação começa às 07 horas da manhã e termina às 17 horas, horário de Brasília 

 

Em razão da pandemia do coronavírus, a Justiça Eleitoral fez recomendações inéditas para os eleitores na hora de ir às urnas neste domingo. Este ano é obrigatório que todos os eleitores usem máscara nos locais de votação. Quem não estiver de máscara pode ser impedido de votar. 

Também para evitar contágio por coronavírus, a Justiça Eleitoral recomenda que cada um tenha sua própria caneta. Caso o eleitor não leve, haverá uma para uso coletivo, e os mesários serão orientados a higienizá-las com álcool 70% antes e depois do uso.

O eleitor deve levar também um documento oficial com foto (como carteira de identidade, passaporte, carteira de trabalho ou carteira nacional de habilitação) e o título de eleitor ou o e-Título, aplicativo disponível para celulares e tablets com sistemas operacionais iOS ou Android. Também é possível confirmar no aplicativo o endereço do local de votação e informações sobre a situação eleitoral.

Segundo o Tribunal de Justiça Eleitoral, os locais de votação terão pontos marcados no chão com orientações sobre o distanciamento mínimo de um metro na fila para evitar que as pessoas se aproximem. 

Proibidos

Segundo a legislação eleitoral, é proibido divulgar propaganda de partido político ou de candidatos no dia da votação e servidores da Justiça Eleitoral também não podem utilizar vestuário ou objeto com propaganda de partidos, coligação ou candidato. 

Também são proibidos o uso de alto-falantes, comício, carreata e derrame de santinhos ou outro material impresso próximo aos locais de votação.

Já a manifestação individual com uso de bandeiras, broches, dísticos, adesivos e camisetas pelos eleitores é permitida.

Passo a passo para votação (normas do TSE) 

1) Entre na seção eleitoral e fique na frente da mesa;
Mostre seu documento oficial com foto em direção ao mesário;

2) Após o mesário ler em voz alta o seu nome, confirme que é você;

3) Guarde o documento;

4) Limpe as mãos com álcool em gel;

5) Assine o caderno de votação (a recomendação é que use sua própria caneta);

6) Se precisar do comprovante de votação, solicite ao mesário;

7) Quando a urna for liberada, dirija-se à cabine de votação;

8) Digite os números dos candidatos;

9) Na saída, limpe as mãos com o álcool em gel novamente.

Fonte:Otempo

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomePolítica