Cotidiano
Avalie este item
(0 votos)
Trágico acidente na MG-214, estrada que liga Itamaradiba ao povoado de Carneiros, faz vítima fatal

O início da tarde de hoje, 21/03, foi marcado por um grave acidente envolvendo uma motocicleta Honda Tornado e um automóvel Pick-up Strada, na estrada que liga Itamaradiba ao povoado de Carneiros (zona rural do município).

A Polícia Militar foi acionada e ao chegarem no local, foi constatado uma vítima fatal, o empresário Edvaldo Marques da Silva, comumente conhecido como “Vado”,vindo de uma família tradicional da cidade.

O Samu, nada pode fazer, pois ao chegar a vítima já não apresentava sinais vitais,falecendo por poli traumatismo craniano.

A motocicleta ficou bastante danificada após colidir na parte frontal esquerda do automóvel. A perícia esteve no local e após os trabalhos liberou o corpo para os serviços funerários.

Segundo informações, a Pick-up trafegava na contramão, mas o fato não foi confirmado pela polícia, porquanto aguarda pela conclusão do laudo pericial.

Edvaldo morou por um longo tempo nos Estados Unidos da América, onde buscou sua independência financeira e regressou para sua terra natal, em que fez muitos amigos, construiu sua família (3 filhos) e como empresário tinha muitos planos para executar. O corpo está sendo velado na Rua Espírito Santo, bairro São Geraldo, em Itamarandiba.
 

 

Avalie este item
(0 votos)
Itamarandiba: Posto de gasolina sofre o quarto assalto à mão armada em menos de um ano

O posto Itapoã da rede Ipiranga, localizado na região central de Itamarandiba, sofreu na noite desta quarta-feira, 19/03, mais um assalto à mão armada.

Segundo testemunhas dois indivíduos encapuzados anunciaram o assalto e levaram uma quantia no valor de R$150,00 reais, isso por que após vários roubos ao posto, o proprietário retira todo dinheiro de circulação das mãos dos frentistas para evitar maiores perdas.

Após a ação, foi acionada a Polícia Militar para confecção do Boletim de Ocorrência, os assaltantes que possivelmente seriam menores de idade, estavam a pé e após a ação saíram tranquilamente pela rua.

O mesmo posto no mês de novembro de 2013 sofreu dois assaltos seguidos, em uma mesma noite, mas a ocasião os assaltantes eram de aparências físicas diferentes e ninguém foi reconhecido.
 

Avalie este item
(0 votos)

As chuvas sempre existiram e existirão, porém a ausência de planejamento e infraestrutura, associados à qualidade e durabilidade das pavimentações realizadas na cidade, nem sempre adequadas para suportar a força da natureza, criam um caos para os moradores.

Itamarandiba é uma cidade que cresceu sem planejamento e enfrenta as consequências da falta de locais para escoamento das águas das chuvas. Além disso, outra consequência da ausência de planejamento é a falta de infraestrutura adequada, principalmente relacionada às redes pluviais.

As redes pluviais do município, que deveriam drenar as águas das chuvas, possuem diversas ligações clandestinas de esgoto residencial. Devido a estas ligações, os bueiros exalam um odor fétido e muitos moradores e comerciantes os concretam ou os tampam com sacos de areia. Com isso, a cidade que já não têm muitas áreas para escoar a água, é varrida pelas chuvas fortes.

Outro problema comum em diversas cidades do Brasil e que não é diferente em Itamarandiba são os chamados “asfaltos eleitoreiros”, que são feitos em meses que antecedem às campanhas eleitorais, principalmente as municipais. Além disso, segundo recomenda o Departamento de Estradas e Rodagens (DER), as pavimentações asfálticas tem uma vida útil de 5 anos, devendo então ser recapeadas ao final deste período.

Além do asfalto, as vias públicas pavimentadas com bloquete não suportam o trânsito de veículos pesados, como ocorre em Itamarandiba. Diversos moradores de ruas pavimentadas por bloquetes relatam as péssimas condições das vias, com muitos bloquetes quebrados ou rachados.

Como consequência das obras eleitorais e da ausência de planejamento, após a forte chuva ocorrida na madrugada de domingo (09/03/14), os moradores das ruas Hortência e Travessa Porto Alegre, localizadas no bairro São Geraldo, estão com sérias dificuldades em se locomoverem. Um morador relata que está impossibilitado de sair com seu carro da garagem, pois uma cratera se formou dos dois lados da rua, ficando intransitável a saída do automóvel.

As mudanças climáticas, causadas em grande parte pelo aquecimento global, provocam chuvas intensas em alguns lugares e escassez em outros, mas o que é certo é que temos que nos adaptar às mudanças da natureza que nós mesmos causamos.

Ações sem planejamento produzem calamidades quando confrontadas à força da natureza. Além disso, é preciso que todos se imbuam do sentimento de comprometimento com a cidade, pois para que as ações obtenham êxito elas devem contar com o apoio da sociedade.

Avalie este item
(0 votos)
Ladrões da “Loja de Informática” são pegos pela Polícia Civil após voltarem na própria loja para comprarem bateria para celular

Um fato inusitado aconteceu na tarde desta sexta-feira, 07/03. Após a invasão na loja de informática em Itamarandiba, duas garotas compareceram no estabelecimento para comprarem uma bateria de celular. Ao suspeitar quanto aos produtos furtados no dia anterior, o vendedor da loja conferiu no estoque o número de serie em caixas vazias, e constatou que aquele celular era de produto de furto. Imediatamente a Polícia Militar foi acionada e entraram em ação os investigadores da Polícia Civil, chefiados pelo Delegado Dr. Vinícius de Barros.
Os investigadores conseguiram pistas através das garotas de onde teria conseguido tal aparelho, uma vês que elas foram mandadas pelos ladrões na mesma loja para comprarem bateria para o celular que fora furtado. Após juntarem as peças, dois menores de idade foram abordados e confessaram a autoria do furto. Os aparelhos foram encontrados na residência dos menores enterrados no fundo do quintal em sacolas plásticas.
Segundo informações grande parte dos produtos foram recuperados, como 5 tablets, 2 notebooks, vários aparelhos celulares, câmeras digitais e outros aparelhos eletrônicos.
Participaram da operação os Investigadores da Polícia Civil; Bernado, Edvaldo, Allison e Carlos. Após um brilhante trabalho realizado pela Polícia, resta a decepção com a lei, sendo que depois de prestado depoimento os menores foram liberados sem maiores dificuldades.

 

Avalie este item
(0 votos)
Loja de informática é invadida em Itamarandiba e tem prejuízo estipulado em 10 mil reais

Na manhã desta quinta-feira, 06/03, quando um funcionário chegou à loja onde trabalha na Rua Diamantina, se deparou com os produtos do estabelecimento totalmente revirados. Ao perceber chamou o proprietário do estabelecimento que posteriormente acionou a Polícia Militar.
Havia várias marcas nas paredes próximas a uma parte do forro que estava destruída, local por onde os ladrões teriam passado para invadirem a loja. Os ladrões não se intimidaram com a presença das câmeras de segurança, na ação foi usado vários pedaços de ferro deixados pelos ladrões após o ato covarde contra um trabalhador. As câmeras de segurança foram danificadas pelos ladrões. O fato que ocorreu durante a madrugada, foi apenas mais um entre tantos que acontece na cidade. 
Foram levados pelos bandidos notebooks, tablet, mais de 60 celulares, uns com valores de mercado com custo elevado, entre outros produtos eletrônicos, além de uma quantia em dinheiro no valor de 700 reais. A Polícia irá investigar o caso.
Fica a orientação para que moradores de Itamarandiba e cidades vizinhas não adquiram produtos citados acima, sem antes exigirem a nota fiscal, caso um desses produtos de furto estiverem em posse de pessoas de bem, ela será considerada suspeita do crime e terá que dar explicações a Polícia como adquiriu tal mercadoria. 

 

Avalie este item
(0 votos)
Chuva forte volta a cair em Itamarandiba e deixa estragos em algumas ruas da cidade

Após o medo e estragos deixados pelas chuvas do mês de dezembro, mais uma forte chuva volta a cair na cidade de Itamarandiba, na noite deste sábado, 01/03.
Após o forte calor durante os últimos dias, sempre acompanhado de uma leve chuva, desta vez a chuva em poucas horas veio com maior volume de água, que em dias anteriores.
As fortes enxurradas deixaram moradores sem poderem se locomover, em trechos da cidade carros e motos também tiveram dificuldades para transitar. 
Com as ruas da cidade ainda sendo reconstruídas, pontos que foram consertados, como a Rua das Mercês e Nações não foram afetadas, mas as Ruas Hortência, São Paulo, Porto Alegre e Avenida Julia Goulart voltaram a apresentar buracos pelas ruas e sofreram com muita lama. 
Segundo dados do site Clima Tempo, a previsão é de chuva para os próximos dois dias em Itamarandiba, já a partir de terça-feira a previsão é de dias ensolarados.


 

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomeCotidiano