Cotidiano
Avalie este item
(0 votos)
Homem de 34 anos comete suicídio por enforcamento em Itamarandiba

A vítima dessa vez foi Rosinei – um homem de 34 anos, casado e que morava com as filhas de sua esposa, na Rua Carbonita, situada no bairro São Geraldo.

Tudo começou quando, no sábado, 11 de outubro, Rosinei foi socorrido pelo Samu devido a uma crise causada pelo consumo de álcool, uma vez que ele ingeriu vários tipos de remédios, como uma tentativa de suicídio. Após ser levado para o hospital, foi liberado no dia seguinte por estar muito nervoso e, com o consentimento de alguns parentes que assinaram sendo responsável pelo paciente, o homem regressou para sua casa, entretanto a esposa não tinha consentido com a liberação.

Já por volta das 22h de domingo, dia 12 de outubro, a esposa chegou em casa com uma amiga. Entretanto, as coisas não estavam bem. Rosinei, que já se encontrava em casa, agrediu a esposa e disse que iria embora. Mas quem acabou saindo foi a esposa com suas filhas, deixando o marido sozinho dentro de casa em quanto elas aguardavam pelo lado e fora e acionaram a Polícia Militar.

Após um breve momento de calmaria, uma das filhas alertou à mãe que a fiação da casa estava sendo arrancada pelo homem. Então, elas correram e desligaram o padrão. A Polícia Militar que já tinha sido acionada e, ao adentrar na casa, depararam-se com o homem em óbito, com uma corda em volta do pescoço e dependurado pela madeira que sustenta o telhado, na sala da casa.  

Os PMs aguardaram a chegada do perito criminal. Assim que o corpo foi liberado pela perícia, Rosinei foi transportado pela Funerária 2 Irmãos para a cidade de Capelinha, para que o médico legista realizasse a autópsia.

Segundo a esposa, Rosinei tinha problemas de saúde devido um atrofiamento de uma das pernas, fazendo-o manquejar e impossibilitando-o de trabalhar. Além disso, ele tinha começo de depressão e as vezes fazia uso de álcool. Porém, segundo sua esposa, apesar de Rosinei usar álcool, tratava-lhe bem e tinha muito carinho por ela quando estava sóbrio.

 

Avalie este item
(0 votos)

O trágico acidente ocorreu na noite desta quinta-feira, 09 de outubro, na MG-117 (Estrada que liga Itamarandiba/MG a Coluna/MG), entre o distrito de Santa Joana e o ”Morro do Bota”, em uma pista reta com boa visibilidade, que acabara de ser revitalizada com novas faixas de sinalização.

Segundo informações, o caminhão que trafegava sentido Coluna, com placa HFU 1301, estava carregado de madeira e seguia para Guanhães, se colidiu com um veículo que trafegava no sentido contrário. O veículo, modelo Corola, de cor prata, placa de Coluna, foi arremessado por cerca de 12 metros, em uma ribanceira, numa área alagada. Já o caminhão perdeu o controle e caiu alguns metros a frente na mesma ribanceira, só que dentro de um rio. 

A carga do caminhão atingiu a cabine, esmagando o motorista contra as ferragens. O veículo baixo ficou irreconhecível e deixou vários fragmentos pela pista. Viderlane que conduzia o caminhão e Ênio Alves, vice-prefeito de Coluna, que conduzia o Corola, ambos deixaram 2 (dois) filhos cada.

 “Geralmente, os acidentes que ocorrem no período da noite, são motivados por negligência, imperícia ou imprudência, e quando se trata de veículos carregados com carga solta (Madeira), deixam vítimas fatais. Sendo assim, pedimos aos usuários da via, que fiquem mais atentos, principalmente em ultrapassagens em faixa contínua. Com a chegada do final de ano a polícia estará realizando operações de averiguação e blitz educativas. Mas contamos com a colaboração e atenção dos condutores que trafegam pela via, a fim de evitar acidentes de trânsito.”, declararam os responsáveis pela ocorrência, Cabo Nei e Cabo Paranhos da Polícia Rodoviária de Capelinha.

Além da Polícia Militar de Itamarandiba, Polícia Rodoviária de Capelinha e Samu, o Corpo de bombeiros trabalhava no resgate dos corpos.  

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ênio Alves dos Santos, tinha 37 anos e foi eleito vice-prefeito da cidade de Coluna nas eleições de 2012, na chapa liderada pelo prefeito Padre Brito do (PT). 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Viderlane Lemos, está sendo velado na Rua Geraldo Gavião, bairro Fazendinha, Itamarandiba. 

 

Avalie este item
(0 votos)
Itamarandiba: Policiais evitam a morte de um homem que tentou tirar a própria vida ingerindo gasolina

No início da tarde de hoje, 2 de outubro, um fato movimentou a Rua 1º de Maio em Itamarandiba. O homem conhecido como “José Boné” foi encontrado pela polícia em estado de extrema agitação, demonstrando grande alteração comportamental e agressividade. O mesmo quebrou os móveis de sua casa, tentou atear fogo na própria residência e ainda ingeriu gasolina.

Diante do comportamento agressivo, os policiais soldados Murilo e Vinícius, orientaram as pessoas que estavam no local a se afastarem e iniciaram uma negociação com o Sr. José que estava dificultando a ação policial e colocando em risco a sua integridade física.

Durante a longa conversa e a tentativa de negociação, o Sr. José apanhou uma corda e tentou improvisar uma forca. Entretanto, em um momento de distração, foi contido imediatamente, algemado e conduzido ao Hospital Itamarandiba, onde sofreu um desmaio. Atendido pelo médico de plantão, foi submetido à lavagem, sofrendo, inclusive, segundo o diagnóstico verbal do Médico de Plantão, uma parada cardiorrespiratória.

 

Avalie este item
(0 votos)
Pai abusa sexualmente da própria filha de 4 anos em Itamarandiba

O crime ocorreu na Fazenda Setúbal, próximo ao distrito de Contrato, zona rural de Itamarandiba

 


Ontem, 1º de outubro, a guarnição da Polícia Militar deslocou até a fazenda Setúbal, próximo ao distrito de Contrato, zona rural de Itamarandiba. Lá, Roberto Carlos Pereira havia abusado sexualmente de sua filha, uma criança de apenas 4 anos de Idade. Após o avô fazer a denúncia, os polícias militares se deslocaram imediatamente para o local.

O autor do crime, ao perceber a presença da equipe policial, fugiu para um matagal. Após intenso rastreamento em busca realizada pela equipe, composta pelo Cabo Muniz, Soldado Barbosa, Soldado Oliveira e Soldado Adriano, o autor foi localizado e preso.

Em seguida, a vítima, o autor e a equipe policial foram atendidos pelo médico de plantão no Hospital Geraldo Ferreira Gandra. Como se não bastasse, foi constatado que o autor do crime possuía um mandado de prisão em seu desfavor, sendo ele um foragido da justiça.

Exploração sexual é crime e tem pena prevista de 1 a 12 anos de prisão.
Você pode denunciar atos de violência sexual infantil através do Disque 100 e/ou pelos telefones: (38)3521-1681 (Conselho Tutelar), (38)3521-1580 (CREAS), (38)3521-1644 (Policia Civil), 190 (Policia Militar). 
  

Avalie este item
(0 votos)

O motorista Robson Almeida de Sousa, 25 anos, que morreu em um grave acidente na BR-367, a 20 km de Araçuai, na manhã de terça-feira (30), foi sepultado nesta quarta-feira (1/10) em Itamarandiba, no Alto Vale do Jequitinhonha.

Sousa dirigia uma carreta carregada com eucalipto, sentido Araçuai-Itinga, quando de repente, o veiculo saiu da pista, atravessou a contramão, entrou em um matagal e tombou, ficando com as quatro rodas para cima.Ele era funcionário da Empresa Capivari, responsável pelo transporte da madeira. Um colega do motorista que acompanhava a carreta em um outro veículo, contou que ele não freou nem tentou evitar o acidente que ocorreu em um trecho plano da rodovia.

Militares da Polícia Rodoviária acreditam que ele possa ter se sentindo mal e perdido o controle direcional do veículo.

O acidente ocorreu por volta das 10h. Robson Sousa, ficou preso às ferragens por cerca de 4 horas à espera de uma equipe do Corpo de Bombeiros de Teófilo Otoni, a 234 km de Araçuai. Moradores das proximidades tentaram sem sucesso, cortar as ferragens da cabine do caminhão, usando machados e outras ferramentas. Uma equipe do SAMU esteve no local na tentativa de salvar o motorista que faleceu por volta das 14h. Ele foi removido para o Instituto Médico Legal e liberado para sepultamento que foi realizado no final da tarde de quarta-feira, em Itamarandiba onde o jovem morava com a família.

Este foi o segundo acidente em menos de 24 horas, envolvendo carretas carregadas com eucalitpto na BR-367.. No inicio da manhã de segunda-feira (29) uma carreta se chocou com um ônibus que seguia de Bom Jesus da Lapa (BA) para Araçuai. Ninguém se feriu. O ônibus transportava um grupo de romeiros.

Fonte: Gazeta de Araçuai

 

Avalie este item
(0 votos)
Carbonita e Itamarandiba: Policiais civis e militares trabalham em ação diferenciada e obtém resultados satisfatórios

Houve apreensões de dezenas de veículos irregulares e diversas ações contra a criminalidade

 

O trabalho realizado em ação conjunta da Polícia Militar e Polícia Civil tem obtido um resultado satisfatório contra a criminalidade nas cidades de Carbonita e Itamarandiba. Sob comando do Delegado Dr. José Olegário, os policiais civis, Willian e Carlos, juntamente com os militares Cabo Munis e Soldado Oliveira, têm desempenhado um brilhante trabalho de prevenção e combate à criminalidade.

Esse trabalho é denominado, pelo delegado, como Ação Policial Diferenciada (APD), a qual conta com policiais descaracterizados e caracterizados, atuando em horários diferenciados, dias de trabalho alternados, visando à eficiência na prevenção e reação no combate à criminalidade.

Dentre as ações, foram colocadas em práticas diversas operações que resultam em apreensões de dezenas de veículos irregulares, muitos deles sendo conduzidos por menores ou pessoas inabilitadas, além dos veículos adulterados.

No último sábado, 27 de setembro, no distrito de Padre João Afonso, zona rural de Itamarandiba, foram apreendidos 13 veículos irregulares. Já no domingo, 28 de setembro, na cidade de Carbonita, foram apreendidos 7 veículos, e duas pessoas foram presas em flagrante, por estarem conduzindo veículo com o chassi raspado.

Em Itamarandiba, foram realizadas; blitz e ações de prevenção e repressão à criminalidade em todos os bairros; prisão por tráfico de drogas; apreensão de vários adolescentes cometendo atos inflacionais, entre outras ações.

Segundo o Dr. Olegário, com essas ações diferenciadas, pode-se notar uma diminuição significativa no número de ocorrências registradas, proporcionando uma sensação de segurança sentida pela população, a qual clamava por mais segurança.

Os policiais que têm trabalhado exaustivamente em horários ininterruptos, inclusive nos finais de semana, pedem a colaboração da população no sentido de denunciar ações suspeitas, que levem a possíveis infratores da lei.


 

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomeCotidianoPolícia Militar de Itamarandiba registra ocorrência de estupro de vulnerável à criança de 06 anos, suspeito foi preso