Notícias da Região
Avalie este item
(0 votos)
Evento realizado no aniversário de 7 anos do Instituto Harmonia Musical realizado na Praça dos Agricultores

Há poucos dias, a tradicional escola de música Harmonia Musical completou seus 7 anos de vida. Este fator é algo a ser percebido e estudado, pois muitos empreendimentos infelizmente falham nos primeiros 2 anos de funcionamento (Estudos comprovam que 40% das empresas falham e fecham as portas nesse período de tempo e cerca de 58% das restantes acabam fechando as portas entre 4 e 5 anos de funcionamento pelo fator da falta de inovação, desgaste por parte do público, entre outros motivos).  

Empresas como o Instituto Harmonia Musical navegam na contramão do mercado convencional.

O idealizador da escola, Júnior Reis, explica: “A maioria dos nichos de mercado buscam a estabilidade, seja como vendedor, como lojista, ou autônomo, e ao alcançar essa estabilidade logo pensam: "agora eu posso ficar sossegado", "em time que está ganhando não se mexe". Citações que não são realidade para o atual ensino de música e para nossa escola, pois quando achamos que está tudo bem é que os verdadeiros problemas acontecem. Quando o Harmonia alcança uma estabilidade com um dito número de alunos é a hora que eu entendo que a escola deve mudar, deve se renovar e se reinventar, evitando assim que ela fique presa em um círculo vicioso e consecutivamente sem sinônimo de empresa que dá certo. 

Cada ano que passa eu tenho que renovar o método de ensino, e isso tem mantido a escola como líder no seguimento e, em 7 anos podemos dizer que que nos reinventamos muitas vezes e estaremos constantemente em evolução, porque assim é o ser humano, assim são nossos alunos, assim é a música.

Queremos agradecer a Deus e todos que fizeram parte de nossa história durante esses 7 anos. Foram mais de 3 mil alunos formados em diversos cursos, em mais de 12 cidades diferentes, e o mais importante, somos uma empresa que bate no peito para falar que é de Itamarandiba.

Venha fazer parte de nossa história, venha fazer parte do Harmonia Musical! E que venham muitos outros aniversários!”

Cursos: Violão, viola, guitarra, bateria, canto e teclado.

Em quatro polos na cidade De Itamarandiba. 

Bairro 1° de Maio:

Rua 1°de Maio- N°405; 

Bairro Bom Jesus: Rua Samambaia- N°66; 

Bairro Fazendinha: Rua Sinhá Bié- N°87; 

Bairro Florestal: Rua 3- N°320.

Avalie este item
(0 votos)
Confirmada prova da Polícia Militar de Minas Gerais para o próximo domingo, 02 de setembro

Após boatos e informações distorcidas a Polícia Militar confirmou a primeira fase, da prova de conhecimentos do curso para admissão de formação de soldados.

Essa semana saiu uma liminar que suspendia temporariamente a prova do concurso de soldados 2019 da PMMG prevista para o dia 02/09/2018, contudo essa liminar foi cassada e desta forma está mantida a prova para a data já prevista para o dia 02 de setembro de 2018.

Para maiores informações acesse o site www.pmmg.mg.gov.br/crs

Avalie este item
(0 votos)
Secretaria de Saúde e NASF reiniciarão encontros voltados ao combate e controle do tabagismo no município de Itamarandiba

Com objetivo de reduzir a prevalência de fumantes e consequentemente a morbimortalidade relacionada ao consumo de derivados do tabaco na comunidade itamarandibana; a Secretaria Municipal de Saúde e o Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF) realizarão, na próxima quarta-feira, 05 de setembro, o 1º encontro (de uma série de sete) das novas sessões do Programa de Controle do Tabagismo

Criado há alguns anos, o programa atendeu e ajudou inúmeras pessoas que buscavam apoio na luta contra o tabagismo. Os novos encontros terão 07 sessões com duração de 01 hora e realizados todas as quartas-feiras na Câmara Municipal, a partir das 18 horas, e terão como palestrantes profissionais ligados a área da saúde; tais como: médicos, enfermeiros, nutricionistas, educadores físicos, dentistas, fisioterapeutas e psicólogos.

Os interessados em participarem do grupo devem procurar o ESF mais próximo ou ir à primeira sessão no dia 05 de setembro, na Câmara Municipal. Para mais informações fale com seu Agente de Saúde ou ligue: (38)3521-1005

Confira o cronograma de encontros do grupo de tabagismo:
• 05/09 = 1º sessão: Enfermeira Priscila Aparecida Lemos
• 12/09 = 2º sessão: Médica Jessica Lorena Oliveira
• 19/09 = 3º sessão: Nutricionista Olga Mariani Araújo
• 26/09 = 4º sessão: Educadora física Daniela Barroso
• 03/10 = 5º sessão: Dentista Daniele Mota Amaral
• 10/10 = 6º sessão: Fisioterapeutas Rafaela Aparecida Nunes Carvalho e Carolina Rodrigues Ribeiro
• 17/10 = 7º sessão: Psicóloga Joyce Cristina de Oliveira

Fonte: Ernane Frois ASCOM: Prefeitura Municipal de Itamarandiba

Avalie este item
(0 votos)
Com recursos da Aperam, oito projetos tiveram ações realizadas nas comunidades do Vale do Jequitinhonha, dentre elas, Setúbal e Dom Serafim em Itamarandiba

Os resultados de seis projetos desenvolvidos com o apoio da Aperam nas comunidades do Vale do Jequitinhonha foram apresentados, na semana (de 21 a 24/08), durante solenidades de inauguração, realizadas nas localidades da região. Representantes do poder público, da Emater-MG e demais autoridades locais marcaram presença nos eventos.

Viabilizadas por meio do Edital de Projetos da Fundação Aperam Acesita 2017/2018, as iniciativas contam com a parceria da Aperam BioEnergia, Emater-MG; AMPLIAR, ASCOPI e Câmara de Vereadores de Minas Novas; prefeituras de Itamarandiba, Veredinha e Minas Novas, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Itamarandiba e demais apoiadores locais.

Dos 14 projetos selecionados pela Fundação Aperam Acesita, nesta edição, oito foram realizados no Vale do Jequitinhonha. Cerca de 1.700 pessoas foram beneficiadas pelos projetos promovidos por organizações sociais de comunidades dos municípios de Itamarandiba, Capelinha, Turmalina, Veredinha e Minas Novas.

Para o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino, o apoio ao desenvolvimento no Vale do Jequitinhonha tem mudado a realidade da região. “Acreditamos no potencial das comunidades e reconhecemos as habilidades dessas pessoas. Por isso, investimos em iniciativas que valorizem os talentos das comunidades”, enfatizou Venilson.

Incentivo

Na avaliação do prefeito de Itamarandiba, Luiz Fernando Alves, o diálogo entre a prefeitura e a Aperam BioEnergia fortalece as ações que beneficiam o município. “A Aperam está sempre aberta à novas parcerias e queremos afinar ainda mais esse laço para que as nossas comunidades se desenvolvam de forma mais sustentável. Assim, poderemos ampliar o desenvolvimento da nossa cidade”, considerou o prefeito de Itamarandiba.

Presente no evento realizado na comunidade de Ponte Nova, em Capelinha, o gerente regional da Emater-MG, Valmar Gonçalves de Souza, reforçou o apoio da instituição em parcerias que valorizem a agricultura. “Iniciativas como essa nos motiva a continuar trabalhando. Nosso papel é fazer com que esse trabalho envolva ainda mais as comunidades. Que essa ação continue reunindo forças e promovendo o crescimento dessa atividade na região”, elogiou Valmar.

A presidente da Câmara Municipal de Minas Novas, Fátima de Lourdes Martins Almeida, prestigiou a apresentação do projeto sobre educação e cidadania realizado pela Escola Estadual de Ribeirão dos Santos, localizada na comunidade de mesmo nome.“Estou encantada com o projeto. Essa é mais uma prova de que a interação entre os poderes e a Aperam gera mais oportunidades. Agora, os alunos e toda comunidade escolar poderão colher os frutos e multiplicar o que foi aprendido nas oficinas”, comentou a vereadora.

Benefícios dos novos frutos

Os ganhos do projeto realizado na comunidade de Setúbal, em Itamarandiba, inúmeros, segundo o vice-presidente da Associação Comunitária dos Pequenos Produtores Rurais de Setúbal, João Lemos. “A construção de 12 fossas sépticas em nossa comunidade trouxe resultados muito positivos. Gerou trabalho para os moradores, além de qualidade de vida e saúde pra gente. Somos muito gratos à Aperam por essa grande realização”, contou João.

Outras iniciativas envolvem ações que contribuem diretamente na melhoria da qualidade de vida da população, como o investimento na infraestrutura do Centro Comunitário local, como na reforma da sede da Associação Comunitária de Dom Serafim e Braúnas ou mesmo na construção de uma sede própria, caso do Centro Comunitário de Vendinhas, zona rural de Capelinha.

Em Turmalina, a Associação de Amigos da Biblioteca Municipal Mestre Augusta investiu em um projeto de educação socioambiental, principalmente, com crianças e adolescentes. Educação e cidadania foram o tema do projeto da Caixa Escolar Professora Ritinha Gomes, em Minas Novas, junto à comunidade escolar local. Em Veredinha, o Clube das Mães também procurou incentivar a educação das crianças da comunidade e investiu em infraestrutura e equipamentos para aprendizagem.

Em Capelinha, as iniciativas da Associação das Famílias dos Pequenos Produtores Rurais de Ponte Nova/Campinho se voltaram para empreendedorismo e geração de renda com a implantação de dois apiários na comunidade. O mesmo objetivo também seguiu a Associação das Famílias dos Pequenos Produtores Rurais do Cisqueiro, mas com a implantação de 42 pomares domésticos.

Edital de Projetos

O Edital de Projetos 2018 da Fundação Aperam Acesita contemplará novos projetos de organizações sociais das regiões do Vale do Aço e Vale do Jequitinhonha com recursos para realização de atividades nas comunidades do entorno da Aperam South America e Aperam BioEnergia. O processo está em fase de seleção e será divulgado até o dia 3 de setembro.

Nas últimas cinco edições, o Edital de Projetos beneficiou mais de 4 mil pessoas, por meio de 50 projetos, com investimentos de aproximadamente meio milhão de reais, em iniciativas das regiões do Vale do Aço e Vale do Jequitinhonha. A Fundação também acompanha todas as etapas de execução dos projetos, prestando consultoria às organizações envolvidas.

Avalie este item
(0 votos)
8º Festival de Animação e Arte terá início no dia 16/09 com as oficinas teatrais em Capelinha

O Grupo de Teatro Anim'Art anunciou na tarde desta segunda-feira (27/08/2018) a data para início do 8º Festival de Animação e Arte. Segundo a entidade, o evento terá começará no dia 16 de Agosto (domingo), no Galpão Cultural, com as oficinas seletivas, e encerrará no dia 05 de Dezembro de 2018, quando serão reapresentados os dois melhores espetáculos.

Na edição do ano de 2018, o festival apresentará importantes mudanças, a se destacar que jovens de até 20 anos que já tenham concluído ou estão concluindo o ensino médio poderão participar do festival, além de que, devido a mudança no calendário, será realizado apenas um dia de oficina, onde os alunos poderão escolher o horário de preferência para a seletiva (não será mais horário por escola). Aqueles que se classificarem em suas turmas, terão que retornar ao galpão para a seletiva definitiva. 

"Estamos realizando importantes alterações na maneira de realizar o festival, mas estamos mantendo a essência do evento, que é mostrar o talento de nossa juventude e os incentivar a desenvolver ações onde os mesmos são protagonistas". 

As inscrições para participação no 8º Festival de Animação e Arte estarão disponíveis a partir do dia 31 de Agosto, na sede provisória do Anim'Art (Rua das Flores, nº 611 - Em frente aos correios), ou com os integrantes do Grupo de Teatro Anim'Art. 

Cronograma:

16/09/2018 - OFICINAS SELETIVAS 

09 horas - Turma 01 

10:30 - Turma 02

13:00 - Turma 03

14:00 - Turma 04

18:00 - Turma de alunos selecionados nas turmas anteriores. 

De 28/09 a 01/12 - APRESENTAÇÃO DOS ESPETÁCULOS 

02/12 - CERIMÔNIA DE PREMIAÇÃO 

04/12 e 05/12 - REAPRESENTAÇÃO DOS DOIS MELHORES ESPETÁCULOS

Avalie este item
(0 votos)
WINNERS compra a franquia da COMPUWAY em Itamarandiba

Com a missão de levar educação de qualidade para a população de Itamarandiba, jovem casal empreendedor lidera empresas educacionais

 

A WINNERS que é uma marca especializada no ensino do Inglês para crianças,adolescentes e adultos possui uma metodologia de ensino inovadora que permite o aluno à aprender o idioma de maneira mais óbvia e prática possível que é ‘FALANDO’. Chegou à 1 ano e 8 meses na cidade com uma proposta de ensino, atendimento e estrutura física diferente de tudo que os consumidores de Itamarandiba  esperavam, gerando até uma certa desconfiança por parte do mercado, mas que com o passar do tempo não só mostrou que existe uma maneira mais fácil de se aprender Inglês, como comprou a franquia da COMPUWAY em Itamarandiba dominando o mercado de cursos livres na cidade e região. Pra entender um pouco melhor esse crescimento conversamos com o diretor e proprietário das empresas Gean Pool:

JORNAL- Gean porque Itamarandiba?

GEAN- Nasci e fui criado em BH mas grande parte da minha família materna é daqui, tenho primos, irmãos e tios que estudaram em escolas públicas aqui na cidade, e sempre ouvi comentários de que o ensino público de Itamarandiba não perde muito para o ensino particular, na minha opinão conhecendo melhor hoje a cidade acho as públicas até superior as particulares (se não fosse as greves por baixos salários), mas percebo um problema á muito tempo na área da educação na cidade , quem quer se qualificar como profissional ou como pessoa não tinha opção para fazer isso com prestação de serviço com qualidade na cidade, então acontece muito do jovem mesmo bem preparado no ensino regular(público), acaba passando grandes dificuldades no mercado aqui ou em outra cidade maior, pois os jovens de uma capital sempre tiveram muitas opções para se qualificar diferentes dos daqui.

JORNAL- Em um mercado tão difícil para se manter uma empresa como Itamarandiba, porque ficou tanto tempo oferecendo apenas um curso (Inglês), e não ampliou as opções para o cliente?

GEAN- Realmente é muito difícil manter uma empresa de pé na cidade oferecendo apenas um produto (Inglês), mas na minha visão para você ampliar as opções do que você oferece para seu cliente, você tem que tomar muito cuidado para não perder o foco, e acabar perdendo qualidade em tudo que você oferece. Nosso cliente procura alguém especialista no que faz, e eu não conheço nenhuma empresa que é especialista atirando para todos os lados.

JORNAL- Gean porque decidiu comprar a COMPUWAY?

GEAN- Na verdade começou com uma ligação da Lílian (antiga proprietária) demonstrando o interesse de vender pois estava muito atarefada no supermercado mas não queria passar para qualquer um. À medida que fomos conversando, vi que era uma grande oportunidade de ampliar as opções de curso que oferecemos (+ de 500 cursos), sem perder a posição de especialista no que fazemos , pois compramos uma marca que está presente em todo o país, forma mais de meio milhão de alunos por ano e tem toda expertise para implementarmos os novos cursos sem perder qualidade. Eu até brinco que fizemos mágica pois de uma mês para cá, passamos de 1 opção de curso para mais de 500 e continuarmos especialista no que fazemos.

JORNAL- O que você enxerga para o futuro das escolas em Itamarandiba?

GEAN- Sinceramente, enxergo grandes resultados para os alunos, para a escola, para os funcionários e também para Itamarandiba no geral. As pessoas tem receio de estudar Inglês pois não sabem se vão aprender, mas a escola está mostrando resultados incríveis em vários alunos e estamos mudando esses paradigmas. Outra é que o comércio cada vez mais valoriza um profissional qualificado para contratar e oferecemos toda essa qualificação para o aluno. Enxergo cada vez mais alunos realizando seu sonho por meio do nosso trabalho e isso é muito gratificante, principalmente para mim que vi minha vida ser mudada por qualificações profissionais que adquiri e agarrei oportunidades que apareceram. 

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomeNotícias da Região