Cotidiano
Avalie este item
(0 votos)
Casa com 5 crianças na localidade do Quebra Tigela sofre incêndio criminoso e fica sem socorro

O fato ocorreu durante a madrugada desta quinta-feira, 3 de julho, na localidade de Quebra Tigela em Itamarandiba, atrás do Hospital Municipal. Foi um ato de vandalismo sem prestação de socorro, que deixou as famílias desamparadas.

Um carro Fiat Pálio, ano 2003, avaliado em 15 mil reais, ficou totalmente danificado pelas chamas. No veículo, havia um som automotivo no valor de 4 mil reais. Janelas, porta da sala, sofá, forro da casa e área de cobertura também ficaram danificadas.

Havia 6 pessoas na casa, a Sra. Maria Valdete, de 48 anos, e seis menores com idades entre 2 e 16 anos, sendo filhos e netos.

No momento do incêndio todos estavam dormindo e, ao perceberem a fumaça, a responsável pelas crianças, no ato de desespero, começou a tirar todos da casa e colocá-los em um local seguro, entretanto acabou desmaiando.

Uma filha da família residente, a cerca de 100 metros do local do incêndio, foi avisada e ajudou a apagar as chamas, juntamente com todas as crianças que estavam na casa.

Segundo a moradora Maria Valdete, a Polícia Militar foi acionada por volta das 2h da madrugada, no entanto não compareceu até o momento em que a nossa reportagem esteve no local, às 10h da manhã. “Minha filha estava falando com eles [Polícia] e então passou pra mim, a Polícia me perguntou, se eu vi quem havia ateado fogo e eu disse que não. Eu disse que não tinha nenhuma suspeita do criminoso. Minha filha ligou novamente e eles [Polícia] disseram que lá não tinha Bombeiro e não tinha água”, relatou a moradora desesperada.

A família irá procurar a promotoria de justiça para prestar queixa e pedir ajuda. Sem condições financeiras não tem como reaver os prejuízos tanto do veículo como do imóvel.

“É um descaso, nós chamamos a Polícia e ela não veio na hora, nós pagamos impostos e votamos, e na hora que precisamos dela, não temos retorno. Temos que procurar um meio de conseguirmos ajuda”, disse Simone Coelho Ventura, vizinha e filha da proprietária da casa. 

Avalie este item
(0 votos)
Menores suspeitos de vários roubos a postos de gasolina em Itamarandiba são apreendidos pela Polícia

Em operação conjunta realizada pelas Polícias Civil e Militar, três menores foram apreendidos por suspeita de diversos roubos a mão armada em postos de gasolina na cidade de Itamarandiba.

Os três menores foram flagrados pela câmera de segurança do posto de gasolina Cristo Rei, na madrugada do dia 23/06, às 01h00min, efetuando um assalto com um revolver cromado, calibre 38, levando cerca de duzentos reais.

Logo em seguida na mesma madrugada, foi à vez do Posto Itapoã, ser assaltado pelos mesmos criminosos, com a mesma arma do primeiro assalto, conseguiram levar cerca de cento e cinqüenta reais.

Logo pela manhã do dia 23/06, dois policiais a paisana, sendo eles o Investigador Civil, Bernardo e o Soldado Militar, Dias, se depararam com dois indivíduos sentados em uma calçada, ambos foram abordados pelos policiais e após confessarem os crimes foram apreendidos em flagrante.

Na noite do dia 25/06, o terceiro menor que não tinha sido pego pela polícia, praticou mais um ato de delito, desta vez no Posto do Bodão, com a mesma arma usada no crime anterior, ele levou cerca de quinhentos reais.

Na manhã do mesmo dia, os policias saíram ao rastreamento do terceiro menor infrator, e conseguiram capturá-lo. Agora os três menores que têm em média 16 anos de idade, foram apreendidos provisoriamente e se encontram atrás das grades.
 

Avalie este item
(0 votos)
Acidente de trânsito envolvendo motocicleta e automóvel deixa menor ferido, na MG 451, entre Carbonita e Itamarandiba

O acidente de trânsito ocorreu nesse sábado, 14 de junho, por volta das 16h, próximo à ponte do Rio Araçuaí, na MG 451. Uma motocicleta Yamaha XTZ ficou totalmente destruída ao colidir com um automóvel VW Saveiro, o qual teve parte frontal completamente danificada.

O motorista do veículo Rafael Moreira não sofreu nenhum ferimento, no entanto o condutor da motocicleta não teve a mesma sorte. O menor A.M.V., além constatar perda total de seu veículo, fraturou os punhos, um fêmur e sofreu diversas lesões pelo corpo. O hospital de Carbonita prestou socorro à vítima e coube ao reboque de Itamarandiba retirar os veículos danificados do local do acidente.

Há acidentes frequentes na MG 451, e a sinalização da pista não é suficiente para diminuir esse lamentável número. É necessária mais atenção dos condutores, outro fator importante seria uma duplicação da ponte para melhor comportar o fluxo de veículos que trafegam no local, fazendo com que acidentes sejam evitados ou, no mínimo, amenizados.
 

Avalie este item
(0 votos)
Criança é mordida por outra criança em creche de Itamarandiba

Os pais de Laura Gabrielly Vial Almeida, de 1 ano e 4 meses, perceberam que sua filha voltou da Creche Centro Solidário com sinais de mordida no rosto e diversos arranhões pelo corpo. Os pais Ronaldo Gomes de Almeida e Daphine Elaine Vial dirigiram-se à delegacia da cidade e registraram a ocorrência do caso. A diretora da Creche, ao ser procurada para explicar o fato, solicitou que os pais retornassem à escola para esclarecimentos.

Indignado com a situação, o pai da criança reivindicou e disse está revoltado com a atual situação. “Fica aqui o meu repúdio e a minha indignação em buscar minha filha na creche, que fica na Avenida do Rodeio, cujo nome é Centro Solidário e que de solidário não tem nada. Olhe as fotos da minha filha mordida no rosto e as pernas arranhadas. As "cuidadoras" ainda têm a coragem de dizer que isso lá é normal. Então, imagina o que acontece lá? Pode ser normal para elas, mas não pra mim. Gostaria que as autoridades tomassem providência e empregassem pessoas com capacidade de cuidar de nossos filhos enquanto trabalhamos, porque precisamos ter confiança na creche e não desconfiança.” Disse, Ronaldo Gomes de Almeida.

Vale ressaltar que as marcas de mordida e arranhões pelo corpo da menina foram feitos por outra criança que fica no mesmo local, mas, segundo os pais da menina a responsabilidade e segurança da criança são totalmente das "cuidadoras".

A direção do Centro Solidário informou que todas as crianças são tratadas com muito carinho e respeito, relatou que o caso foi uma fatalidade e informou ainda que nos próximos dias divulgará uma nota de esclarecimento quanto ao assunto. 

 

Avalie este item
(0 votos)
Polícia cumpre mandados de busca e apreensão na Comunidade Barra do Setúbal, próximo ao Contrato

Além de apreensão de armas e de pássaros silvestres, houve um incêndio criminoso

 

A última segunda-feira, dia 26 de maio, foi marcada por uma grande operação de busca e apreensão, na Comunidade de Barra do Setúbal, próximo ao distrito do Contrato.Tal operação policial cumpriu mandados, em virtude de denúncias sobre caça ilegal de animais silvestres, feita com o uso de armas de fogo e de cães. Entretanto, a operação não se limitou apenas à questão da caça desses animas, mas abrangeu ainda a apreensão de motocicletas irregulares que circulavam na comunidade.

Durante as buscas, foram encontrados e apreendidos 13 pássaros silvestres; dois apitos usados para as caçadas;duas redes de pesca; um caniço com molinete; dois caninos com anzol; duas linhadas; um facão;uma motosserra sem registro;cinco espingardas cartucheiras; alguns cartuchos de calibre 28;uma mochila contendo carregamento de armas; esete motocicletasem situação irregular, seja por documentação atrasada, chassi raspado ou clonagem de placa do veículo.

Em uma das buscas, a equipe policial foi surpreendida com tiros.Em outra, enquanto as motocicletas irregulares eram conduzidas para Itamarandiba, um homem pulou sobre a plataforma do guincho em movimento, arrancou a mangueira de combustível de uma das motocicletas e, utilizando um isqueiro, ateou fogo. Os motoristas do guincho, ao perceberem que havia um incêndio na carroceria do veículo, aumentaram a velocidade do caminhão e as chamas acabaram consumiram as cordas que prendiam as motocicletas à plataforma. A Polícia, ao saber do incêndio, retornou ao local para apagar o fogo, porém apenas uma das motocicletas não foi danificadatotalmente pelas chamas.O autor do incêndio relatou aos policiais que foi tomado por um ataque de fúria ao ver a moto de seu pai sendo apreendida.Diante disso, ele foi conduzido imediatamente para a delegacia.

Felizmente, em toda a operação policial, não houve nenhuma vítima.


 

Avalie este item
(0 votos)
Homem comete suicídio no estado do Pará e deixa bilhete pedindo para ser sepultado em Itamarandiba

Jardel Amaral da Silva, de 25 anos,  natural de São José do Jacuri, residiu em Itamarandiba por um período e mudou-se, posteriormente, para o estado do Pará, região norte do Brasil, para trabalhar em uma fazenda.

Segundo informações, Jardel já tentou suicídio em outras ocasiões, no entanto esta última tentativa foi fatal. Na segunda-feira, 19 de maio, o proprietário da fazenda e patrão do rapaz encontrou o corpo da vítima pendurado por uma corda amarrada em seu pescoço. Em um dos bolsos da calça que usava, havia um bilhete, provavelmente escrito por seu próprio punho, revelando o desejo de Jardel em ser enterrado na cidade de Itamarandiba.

Atendendo ao seu último pedido, a família realizou o velório em uma igreja situada na rua São Geraldo e o sepultou no Cemitério do Rosário.
 

 

{{galo}} {{face}} {{zero}}
HomeCotidiano